Ribeirão Preto sofre com prefeito que não ouve população e com incertezas para o futuro

Transporte coletivo ainda precisa de melhorias que estão longe de acontecer (Foto: Nicholas Araujo)

 

A nova administração municipal de Ribeirão Preto se mostra contra qualquer opinião pública e ignora qualquer diálogo com a população. A instalação de uma unidade do AME (Ambulatório Médico de Especialidade) no lugar da UBDS Central mostra este cenário.

Com sua proposta de trazer os AMEs para Ribeirão, Duarte Nogueira aposta em enviar os atendimentos do Centro para a UBDS da Rua Cuiabá e diminuir o fluxo de pacientes gerado na UDBS Central. No entanto, o plano não passou por um veredicto da população, que se divide em apoiar ou não a mudança. Sem contar que, herdado da administração anterior, a UPA da zona Norte da cidade continua sem solução.

Outro problema é em relação ao consórcio Pró-Urbano, que deixou a cidade a mercê de um transporte público precário, terminais de ônibus inacabados, e possivelmente superfaturados, e ainda disse que deve aumentar a tarifa de ônibus, uma das mais caras do país, nos próximos meses.

Como uma cidade como Ribeirão, que expandiu seu agronegócio, saúde e educação em quase 161 anos, passar por problemas tão primitivos e impensáveis de acontecer como esses? Claro que o governo de Dárcy Vera deixou uma “herança maldita” para Nogueira, mas o mesmo ignora a população, para quem ele trabalha, para fazer agrados políticos e “mostrar serviço” no jeito “coxinha” de ser.

Sem contar com a cassação de dois vereadores que colocavam a cara para bater em uma Câmara de Vereadores mal formulada, enquanto outro candidato, que falou na cara dura em uma sessão do plenário que a mãe fez boca de urna, continuar na sua cadeira de político sem ao menos fazer algo digno pela cidade. Aliás, a obra na Câmara é outro desaforo para os ribeirão-pretanos, que contam mais uma vez com o superfaturamento e um dinheiro público precioso jogado fora para a construção do “puxadinho”.

De que maneira vamos mudar a cidade se nem ao menos os nossos governantes se preocupam com a população? Mais uma vez não soubemos votar, porque continuamos com uma administração pífia, sem recursos, arbitrária e sem rumo. Estamos sem um futuro digno e com incertezas que não vão acabar tão cedo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.