Como me tornei um fã do rock

(Foto: Reprodução)

Neste dia 13 de julho comemoramos o Dia Internacional do Rock, data que comemora a realização do Live Aid, festival que ocorreu simultaneamente nos Estados Unidos, Reino Unido, Austrália, Rússia e Japão no dia 13 de julho de 1985. Foi uma das maiores transmissões em larga escala por satélite e de televisão, atingindo a marca de 1,5 bilhão de espectadores em mais de 100 países.

A paixão pelo rock pode acontecer de diversas maneiras, mas o roqueiro em si é um apaixonado, as vezes até um aficionado por essa paixão, que tem que ser sempre sadia.

Particularmente, eu nunca fui um apaixonado tão intenso. Pouquíssimas vezes escutava algo do gênero, mas sempre ouvia meus pais dizerem que, em suas épocas, os bailes ou as casas noturnas eram embaladas por sons de Scorpions, Metallica, Bom Jovi, The Police, Rolling Stones, entre outros.

Podemos dizer que o rock mais antigo valorizava mais o som da guitarra do que a bateria. Entretanto, com o passar dos anos, fomos acompanhando o crescimento de outras vertentes do rock como o indie, o hard, o hardcore e o metal rock.

Um pouco mais adulto fui procurando alguns artistas do ramo, até os brasileiros como Capital Inicial, Skank, Pitty, Titãs, Barão Vermelho e Paralamas do Sucesso. Hoje me considero um fã de rock, mas longe de ser expert no assunto.

Tenho uma playlist no Spotify onde mesclo o rock bem clássico com nuances do indie, hard, entre outros. Vou deixar a playlist no final deste post e aceito sugestões de músicas e artistas, acho que nem estou perto do tanto de artistas e ícones que foram importantes para elevar esse estilo e se tornar um dos maiores movimentos artísticos do mundo.

Viva o Rock!

Anúncios

Um comentário sobre “Como me tornei um fã do rock

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.